Ciclo de Atividades de Formação Didático-Pedagógica

Data: 8 a 15/06
Local: Campus da USP Ribeirão Preto
Inscrições: Clique aqui

A Comissão de Pós-Graduação da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP promove a partir do dia 8 de junho o Ciclo de Atividades de Formação Didático-Pedagógica. O evento tem como objetivo atender a demandas dos alunos de pós-graduação, orientadores e da própria comunidade, discutindo temas ligados ao futuro profissional, à construção da carreira e à formação de professores do ensino superior.

Os palestrantes são ligados à FFLCRP-USP, à Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEA-RP) da USP e à Unicamp. Também haverá participações internacionais, com professores do Instituto Politécnico do Porto e da Universidade do Minho, ambos de Portugal.

Essa primeira edição do Ciclo de Atividades é uma ação conjunta do Centro de Pesquisas em Psicodiagnóstico (CPP), do Laboratório de Psicologia da Educação e do Escolar (LAPEES) e do Grupo de Trabalho sobre Formação Didático-Pedagógica do Programa de Pós-Graduação em Psicologia, em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Educação, coordenados pelo Grupo de Trabalho sobre Formação Didático-Pedagógica da CPG/FFCLRP-USP em parceria com o Grupo de Apoio Pedagógica do Campus USP de Ribeirão Preto (GAP-RP) e com o Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP.

As palestras serão realizadas em quatro datas (8, 11, 14 e 15 de junho), no Salão de Eventos do Centro de Tecnologia da Informação de Ribeirão Preto (CeTI-RP) e no Anfiteatro André Jacquemin da FFCLRP, ambos no campus Ribeirão Preto da USP. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas neste link. Haverá emissão de certificados conforme frequência nas atividades. A programação completa pode ser visualizada aqui

Mais informações: iearp@usp.br ou (16) 3315 0368.

USP Analisa discute consequências da Primeira Guerra Mundial


Em 1918 terminava a Primeira Guerra Mundial, conflito centrado na Europa que deixou um saldo de nove milhões de mortos e alterou a ordem política e econômica vigente. Para falar sobre o centenário do final dessa guerra e suas consequências, o USP Analisa desta semana recebe o professor universitário e historiador Gilberto Abreu.

Ele explica que as causas da Primeira Guerra estão ligadas a divergências entre países da Península Balcânica, que culminaram no assassinato do arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do Império Austro-Húngaro. “Ali existe um conjunto de povos eslavos parecidíssimos uns com os outros. Freud vai definir isso mais tarde como o narcisismo das pequenas diferenças: quanto menor é a diferença, maior é o narcisismo e maior é o ódio. Tanto que os conflitos balcânicos vão gerar a expressão ‘balcanização’, que desde então e até hoje significa fragmentação. Os povos são muito parecidos, mas ninguém entende por quê eles se odeiam tanto”.

Com o término da guerra, uma das principais alterações na ordem mundial foi a queda da maior potência econômica da época, a Inglaterra, e a ascensão dos Estados Unidos a esse posto. Segundo Abreu, a organização do cultivo agrícola americano e a inauguração da primeira fábrica da Ford em 1914 contribuíram para isso. “A mesma linha de montagem que produz automóvel produz blindado, então os americanos vão ter uma vantagem na guerra. Enquanto eles não participaram, entre 1914 e 1916, o país foi o maior fornecedor de equipamentos e alimentos para a guerra. Então o débito que eles tinham com a Inglaterra vai se corroendo de uma tal forma que, ao terminar o conflito, de devedores da Inglaterra os Estados Unidos haviam se tornado credores”.

O programa vai ao ar na Rádio USP Ribeirão Preto nesta sexta (18), a partir das 12h, e na Rádio USP São Paulo na quarta (23), às 21h, e no domingo (27), às 11h30. O USP Analisa é uma produção conjunta da Rádio USP Ribeirão Preto (107,9 MHz) e do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP.

Cine-Literatura

Data: 21, 23 e 25 de maio
Horário: 9h
Local: Biblioteca Padre Euclides (Rua Visconde de Inhaúma, 490, Centro)


E se você pudesse unir cinema e literatura para conhecer um pouco mais sobre ciência? É exatamente com essa proposta que o Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP, o Centro de Terapia Celular (CTC) e o Centro de Pesquisas em Doenças Inflamatórias (CRID) se uniram à Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto para trazer, durante a programação da 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto, o Cine-Literatura.

A iniciativa é fruto de outro projeto das três unidades, o Ciência com Pipoca, que é realizado desde 2016 com o objetivo de discutir temas ligados a ciência utilizando trechos de filmes e séries. Para a Feira Nacional do Livro, as apresentações são baseadas em filmes adaptados ou inspirados em livros. 

Serão três palestras, nos dias 21, 23 e 25 de maio, a partir das 9h, na Biblioteca Padre Euclides (Rua Visconde de Inhaúma, 490, Centro). Na primeira, os professores mestres Caio de Castro e Freire, Michele Dayane Facioli Medeiros e Rafael Gil de Castro discutem a imagem do cientista que o cinema e a literatura retratam, baseando-se em obras como Frankenstein, Jurassic Park, De Volta para o Futuro, entre outras. Na segunda palestra, o professor da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFLCRP) da USP Ribeirão Preto Marco Antonio de Almeida comenta os impactos da obra Neuromancer, que não apenas revolucionou a literatura de ficção científica como trouxe um novo gênero, o cyberpunk. Por último, o doutorando do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP São Carlos Diego Renan Bruno aborda filmes sobre a dependência dos humanos em relação às máquinas e debate se essas obras representam apenas contextos de ficção científica ou se podem se tornar realidade.

O Cine-Literatura é gratuito e não é necessário se inscrever para participar. Escolas devem agendar a participação de grupos de alunos pelo telefone (16) 3977 9117. Mais informações sobre as palestras do Cine-Literatura: (16) 3315 0368 ou iearp@usp.br. A programação completa da 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto está disponível no site
fundacaodolivroeleiturarp.com

Caminhos do Desenvolvimento Sustentável

Data: 15/05/2018 às 14h
Local: Auditório Amin Calil
Inscrições: Clique aqui


O Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP e a Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto (ACIRP) realizam no dia 15 de maio, a partir das 14h, na sede da ACIRP, o evento "Caminhos do Desenvolvimento Sustentável".

Na ocasião, será discutida a participação das cidades e da sociedade para que sejam alcançados, até 2030, os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Esses objetivos foram definidos durante a Cúpula das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável em setembro de 2015 e incluem ações mundiais em diversas áreas, como erradicação da pobreza, segurança alimentar, saúde, educação, saneamento e crescimento econômico inclusivo, entre outros. Recentemente, Ribeirão Preto assinou sua adesão ao programa da ONU que prevê a implantação dos ODS na cidade.

Os palestrantes serão o diretor do Programa Cidades do Pacto Global das Nações Unidas Michael Nolan, que lidera a direção estratégica e o crescimento do UNGC Cities Program e tem vasta experiência em desenvolvimento urbano sustentável e infraestrutura na Ásia-Pacífico, Américas e Europa; e a co-diretora do Escritório Regional do Pacto Global das Nações Unidas - Cidades do Brasil Patrícia Iglesias, que também é docente da Faculdade de Direito da USP.

Mais informações: (16) 3315 8039.

MICHAEL NOLAN: diretor do Programa Cidades do Pacto Global das Nações Unidas. Michael lidera a direção estratégica e o crescimento do UNGC Cities Program. Tem mais de 20 anos de experiência em consultoria na condução de parcerias e resultados de sustentabilidade para os governos, empresas e sociedade civil. Anteriormente, Michael foi o Líder Global para Clima e Resiliência da AECOM. Tem uma vasta experiência em desenvolvimento urbano sustentável e infraestrutura na Ásia-Pacífico, Américas e Europa.

PATRÍCIA IGLECIAS: co-diretora do Escritório Regional do Pacto Global das Nações Unidas - Cidades do Brasil (sediado na Universidade de São Paulo). É Professora Doutora na Faculdade de Direito da USP, supervisionando o PROCAM - Programa de Ciências Ambientais da universidade, da qual também é chefe de Assuntos Ambientais. Foi Secretária de Meio Ambiente do Governo do Estado de São Paulo.

Consequências das fake news são tema do USP Analisa


Diariamente, estamos expostos a uma quantidade incalculável de informações na internet. Diante de tanto conteúdo, como identificar os que realmente são verdadeiros e não cair na armadilha das famosas fake news (em português, notícias falsas)? Para discutir esse assunto, o USP Analisa recebe nesta semana o professor especialista em mídias digitais Eduardo Soares.

Ele explica que as fake news surgiram com o intuito de atrair cliques dos internautas para conteúdos monetizados, ou seja, que revertem dinheiro ao autor cada vez que alguém o acessa. Posteriormente, o objetivo passou a ser a crença das pessoas naquela informação e, por meio disso, sua disseminação.

Para Soares, as fake news se espalham rapidamente porque a própria rede incentiva as pessoas a terem uma opinião instantânea sobre os assuntos em discussão. “Eu compartilho essa informação porque muitas vezes é o que eu penso e gostaria que fosse verdade. Potencializado pela dinâmica das redes sociais, que é algo muito rápido e se dissemina numa fração de segundos, eu capto essa informação e já quero passar para a frente, sem um mínimo de interpretação. Podemos dizer, por isso, que as fake news são o mal do século”, diz.

O programa vai ao ar na Rádio USP Ribeirão Preto nesta sexta (11), a partir das 12h, e na Rádio USP São Paulo na quarta (16), às 21h, e no domingo (20), às 11h30. O USP Analisa é uma produção conjunta da Rádio USP Ribeirão Preto (107,9 MHz) e do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP.

Lançamento do livro "Novos Olhares de Janus"

Data: 18 de maio
Horário: 16h
Local: Espaço de Eventos do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP)


O Espaço de Eventos do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) recebe no dia 18 de maio, a partir das 16h, o lançamento do livro "Novos Olhares de Janus", de autoria do professor aposentado do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP e ex-coordenador do Instituto de Estudos Avançados Polo São Carlos da USP Sérgio Mascarenhas de Oliveira.

O livro reúne crônicas do autor e dá continuidade aos temas abordados no primeiro livro, intitulado "Olhares de Janus". Na mitologia romana, Janus é um deus que possui duas faces, uma voltada para o passado e a outra, para o futuro, sendo considerado por isso o deus da transformação, que indica em seus olhares o cultivo da prudência. Em suas crônicas, Mascarenhas utiliza o ícone de Janus para exemplificar sua leitura de mundo da ciência, enfatizando, assim, que no conhecimento do passado estão as possibilidades do futuro.

Sérgio Mascarenhas de Oliveira foi professor titular do IFSC-USP e é professor visitante em universidades dos Estados Unidos, México, Japão, Reino Unido e Itália. Foi personalidade de destaque na criação da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e do curso de Engenharia de Materiais, além de levar à USP São Carlos um polo do Instituto de Estudos Avançados (IEA). Acumula diversos prêmios e distinções, entre eles o Prêmio Fundação Conrado Wessel de Ciência Geral, em 2006. Aos 90 anos, continua ativo em suas pesquisas e segue contribuindo para a ciência nacional. Uma de suas recentes realizações é o desenvolvimento de um dispositivo capaz de aferir a pressão intracraniana de forma não-invasiva.

O evento é gratuito e não há necessidade de inscrições. Mais informações: iearp@usp.br ou (16) 3315 0368.

IEA-RP participa do lançamento da Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto

O Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP participou no dia 25 de abril do lançamento da programação da 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto. O evento, que será realizado entre os dias 19 e 27 de maio, vai reunir 250 atividades culturais, como conferências, palestras, oficinas, shows e performances, entre outras.

O lançamento contou com a apresentação do espetáculo “Canto da Alma”, da Academia Livre de Música e Artes (Alma), que envolveu performances de canto e teatro.

Nesta edição, o IEA-RP, o Centro de Terapia Celular (CTC-USP) e o Centro de Pesquisa em Doenças Inflamatórias (CRID) promovem uma das atividades da Feira, o Cine-Literatura. O evento traz discussões envolvendo ciência, cinema e literatura, nos mesmos moldes de outra iniciativa das três unidades, o Ciência com Pipoca.

Serão três apresentações nos dias 21, 23 e 25 de maio, a partir das 9h, na Biblioteca Padre Euclides (Rua Visconde de Inhaúma, 490, Centro). A programação completa da Feira está disponível neste link. Mais informações sobre as palestras do Cine-Literatura: (16) 3315 0368 ou iearp@usp.br.